Saúde e Ciência

Pesquisa mostra que cariocas e fluminenses não se preparam para a velhice | Blog Longevidade: modo de usar

O estudo utilizou os parâmetros da faculdade de saúde pública da Universidade Harvard (EUA) sobre cinco hábitos que poderiam prolongar a vida em pelo menos uma década: alimentação saudável, atividade física, peso controlado, consumo reduzido de álcool e não fumar. Com base nesses critérios, 52% declararam ter uma dieta equilibrada, 41% realizam atividade física, 54% afirmaram controlar o peso e 95% entendem o risco do tabagismo, mas apenas 29% têm conhecimento sobre a necessidade do consumo moderado de álcool. Apesar de não ter sido o principal foco da pesquisa, ficou clara a relevância da figura dos cuidadores familiares, sendo que a maioria deles (56%) era composta por filhos dos idosos. Entretanto, eles reconhecem não estar preparados para a demanda física, emocional e financeira dessa rotina.


Fonte: G1 – Editoria Ciência e Saúde

Portal G1

Portal de Notícias da Globo

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo