Região

Ocupação de leitos de UTI para Covid-19 em BH atinge patamar recorde

80,5% das unidades disponíveis para pacientes infectados estão ocupadas, somando rede pública e privada

A taxa de ocupação de leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) exclusivos para pacientes com coronavírus atingiu um patamar recorde nesta segunda-feira (4) em Belo Horizonte: 80,5%, no nível vermelho de alerta. Esse é o maior percentual desde que a prefeitura divulga os dados da rede privada e pública de saúde, no dia 5 de agosto de 2020.

A taxa aumentou desde o último dia do ano passado, quando ele era de 80,3%, no mesmo nível. Já os leitos de enfermaria estão com 64,4% de ocupação, estacionada no nível amarelo de alerta. Na última atualização, esse percentual era de 64,4%.

Já o número médio de transmissão por infectado (Rt) pelo coronavírus continua aumentando em Belo Horizonte e, com isso, voltou a atingir o nível de alerta médio (amarelo) nesta segunda-feira, o que não acontecia desde o dia 24 de dezembro, véspera de Natal.

Atualmente, o nível está em 1,06, segundo boletim epidemiológico da prefeitura – esse número significa que a cada 100 pessoas infectadas pela Covid-19, outras 106 também contraem a doença, aproximadamente.

No dia 31, última vez que os dados foram divulgados, essa taxa estava em 0,97, no nível baixo de alerta (verde).

Índices

A classificação desses indicadores é feita pelas cores verde, amarela e vermelha. São categorizados em nível verde se houver utilização de até 50% das vagas em leitos – caso a ocupação esteja entre 50 e 70%, o nível será amarelo. E, acima de 70%, vermelho.

O número médio de transmissão por infectado (Rt) estará verde de 0 até 1, amarelo, entre 1 e 1,2, e vermelho, quando estiver acima de 1,2.

Com base nesses três indicadores principais, a Prefeitura de Belo Horizonte (PBH), juntamente com o Comitê de Enfrentamento à Epidemia da Covid-19, analisa os números e define o nível de alerta geral, também categorizado pelas mesmas três cores.

Balanço

Segundo a Prefeitura de Belo Horizonte (PBH), há 64.530 casos confirmados de coronavírus na cidade, sendo que 1.895 evoluíram a óbito. São 1.143 infectados e 18 mortes em decorrência da doença apenas neste ano.




Fonte: Fonte: Jornal O Tempo

Mais

Jornal O Tempo

No mercado nacional de jornais impressos desde 1996, diariamente o jornal O TEMPO apresenta Minas, o Brasil e o mundo em uma cobertura de forte compromisso No mercado nacional de jornais impressos desde 1996, diariamente o jornal O TEMPO apresenta Minas, o Brasil e o mundo em uma cobertura de forte compromisso com o interesse do leitor. O periódico é composto por editorias que percorrem os diversos fatos do cotidiano da população, além de um conjunto de cadernos voltados para segmentos como turismo, automóveis, emprego e moda. Esse canal é feito para entrar em contato com você. Conecte-se a gente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo

Entrar

Ou com Nome de Usuário

Esqueceu a senha?

Não tem uma conta? Cadastre-se

Esqueceu a senha?

Digite os dados da sua conta e você receberá um link para resetar sua senha.

Seu link para resetar senha está expirado ou é inválido.

Entrar

Política de Privacidade

Adicionar à Coleção

Não Há Coleções

Aqui você vai encontrar todas as coleções que você criou antes.