Região

Notícia » Supremo Tribunal Federal forma maioria para manter igrejas fechadas durante a pandemia.

 

O Supremo Tribunal Federal ainda não tomou todos os votos dos 11 ministros, mas já formou a maioria pela manutenção das instituições religiosas fechadas durante a pandemia da Covid-19. Gilmar Medes, Alexandre de Moraes, Edson Fachin, Luiz Roberto Barroso, Rosa Weber e Carmem Lúcia já deram o voto favorável a tal medida que foi encaminhada pelo relator Gilmar Mendes. Divergindo, Kássio Nunes e Dias Toffoli votaram pela manutenção das liberdades religiosas em todo país.

 

A votação ainda ocorre em Brasília e as medidas tomadas por prefeitos e governadores sobre o tema prevalecerão até que eles mesmos revoguem suas próprias medidas.

Fonte: Leopoldina News


Fonte: Fonte: Rádio Jornal Leopoldina

Rádio Jornal de Leopoldina

Informação, bate papo e musical de qualidade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo