Região

Minas confirma fim definitivo do toque de recolher e permite reuniões familiares

Medidas que haviam sido impostas durante a “onda roxa” foram suspensas após acordo com o Tribunal de Justiça

O toque de recolher em Minas Gerais, que havia sido determinado no dia 17 de março para conter a aceleração da pandemia, está definitivamente interrompido. Desde a última segunda-feira (5), após ação e acordo judicial, a medida restritiva já estava suspensa em todo o território.

Agora, o Estado confirmou que os moradores dos 853 municípios não são mais obrigados a permanecer dentro de casa. Com isso, a circulação nas ruas das 20h às 5h está liberada. Além disso, o governo de Minas informou que as reuniões familiares, que também estavam proibidas na “onda roxa” do Minas Consciente, foram autorizadas.

A decisão foi tomada nesta quarta-feira (7) pelo Comitê Extraordinário Covid-19. A suspensão atende a um acordo judicial feito pelo Governo de Minas, após o deputado estadual Bruno Engler questionar a constitucionalidade das medidas. Mas, apesar do fim da proibição, o governador Romeu Zema (Novo) reitera que o Estado desaconselha qualquer tipo de aglomeração ou circulação desnecessária durante a pandemia. 

“Essas medidas não serão mais obrigatórias, mas é essencial que todos façam a sua parte para conseguirmos reduzir a propagação do vírus Precisamos que a população mantenha todos os cuidados, use máscara e evite aglomerações para conseguirmos sair disso o mais rápido possível”, destacou. Nesta quarta-feira, Minas bateu o recorde de mortes, com 508 óbitos em um intervalo de 24 horas.

Apesar do afrouxamento nas medidas restritivas, as demais deliberações, como o fechamento do comércio não essencial, continuam valendo para todas as cidades que seguem na “onda roxa”.

 

Em tempos de desinformação e pandemia, o jornal O TEMPO reforça o compromisso com o jornalismo mineiro, profissional e de qualidade. Nossa redação produz diariamente informação responsável e que você pode confiar. Continue nos apoiando. Assine O TEMPO.




Fonte: Fonte: Jornal O Tempo

Jornal O Tempo

No mercado nacional de jornais impressos desde 1996, diariamente o jornal O TEMPO apresenta Minas, o Brasil e o mundo em uma cobertura de forte compromisso No mercado nacional de jornais impressos desde 1996, diariamente o jornal O TEMPO apresenta Minas, o Brasil e o mundo em uma cobertura de forte compromisso com o interesse do leitor. O periódico é composto por editorias que percorrem os diversos fatos do cotidiano da população, além de um conjunto de cadernos voltados para segmentos como turismo, automóveis, emprego e moda. Esse canal é feito para entrar em contato com você. Conecte-se a gente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo