Região

Cresol Minas Gerais lança Plano Safra 2021/2022

Durante a live, grupos de parceiros e associados receberam informações essenciais sobre financiamento e custeio

A Cresol Minas Gerais promoveu nesta terça-feira, 20, uma live de lançamento do Plano Safra 2021/2022. Em função da pandemia, o encontro foi virtual. A condução dos trabalhos foi feita pelo diretor presidente da Cresol  Minas Gerais, João Paulo Dias da Fonseca e contou com a participação da superintendente, Mayara Viana Ribas, gerentes das 18 agências cooperadas, parceiros e associados.

O Governo Federal liberou R$ 251,2 bilhões para apoiar a produção agropecuária nacional, sendo R$ 177,8 bilhões destinados ao custeio e comercialização e R$ 73,4 bilhões para investimento durante o próximo período agrícola, que começou em 1º de julho. Deste total, R$ 7,8 bilhões foram destinados a Cresol, R$ 4 bilhões para custeio, um aumento de 51% em relação ao último ano e R$ 3,8 bilhões, para investimentos, 124% a mais.

João Paulo Dias da Fonseca explicou que esses valores já estão liberados e falou da importância do Plano Safra para os produtores rurais. “Este foi o único setor que não encolheu durante a pandemia, ao contrário, continuou a crescer. E quero ressaltar que 6,3% desse montante vão para a agricultura familiar e para os pequenos produtores rurais. É um aumento de 19% em relação ao ano passado. O governo também manteve as taxas de juros acessíveis para eles, apesar da taxa SELIC ter crescido 2,25 para 4,25”, afirmou ressaltando que a Cresol possui as melhores ferramentas para que este crédito chegue ao produtor rural. “Os produtores, sejam pequenos, médios ou grandes, podem nos procurar para fazer seus investimentos, porque nós temos as melhores opções”, concluiu.

A superintendente da Cresol Minas Gerais, Mayara Viana Ribas, ressaltou a evolução da cooperativa nos últimos anos e creditou o aumento dos valores repassados na confiança que a   instituição conquistou junto ao BNDS. “No plano Safra passado, a Cresol tinha R$ 4.3 bilhões à disposição para repassar, este ano, nós temos R$ 7,8 bilhões.  Este aporte é emprestado de maneira produtiva e sustentável para o nosso produtor para que isso gere renda e contribua com a produção dele na ponta. É dinheiro novo sendo investido no mercado e no comércio local, gerando desenvolvimento de uma maneira bastante significativa.”

Ela ainda falou sobre a importância do Pronaf Jovem “É um programa de fortalecimento da agricultura familiar, para ajudar na permanência dos jovens no campo. São recursos de até R$ 20 mil que podem ser pagos em 10 anos, com a taxa de juros de 3% ao ano”, explicou Mayara Ribas, acrescentando que a Cresol também firmou parceria com o BDMG -Banco de Desenvolvimento do Estado de Minas. “A partir deste convênio, a Cresol vai ampliar a possibilidade de financiamento para que os cooperados possam investir em seus empreendimentos”, concluiu.


Fonte: Fonte: A Notícia Online Muriaé

A Notícia Online Leopoldina

https://www.facebook.com/a.noticiamuriae

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo