Região

Cantagalo, Macuco e Friburgo recuperam empregos perdidos na pandemia

Levantamento feito pela Firjan através da plataforma Retratos Regionais aponta que a indústria do Centro-Norte Fluminense recuperou, de julho a novembro, 73,9% dos postos de trabalho perdidos entre março e junho, meses mais afetados pelas medidas de combate à pandemia da Covid-19 e pelas incertezas em relação à economia. O setor perdeu 1.683 vagas de março a junho e recuperou 1.244 entre julho e novembro.

A análise do setor industrial, que engloba a indústria de transformação, extrativa, construção e os serviços industriais de utilidade pública, mostra que o setor manteve desempenho positivo em novembro (+309) e registrou o quinto mês consecutivo de contratações. As confecções (+119); produtos de metal (+60); produtos alimentícios (+45) se destacaram. Os segmentos de fabricação de bebidas e a construção civil registraram +21 e +20 vagas, respectivamente.

Principal cidade da região, a indústria de Nova Friburgo abriu 250 postos de trabalho. Cachoeiras de Macacu (+28), Bom Jardim (+19), Carmo (+8), Duas Barras (+8), Cantagalo (+3), Macuco (+3) e Sumidouro (+4) também tiveram mais contratações dos que demissões para o mês. São Sebastião do Alto (-9), Cordeiro (-8) e Santa Maria Madalena (-1) registraram saldo negativo e Trajano de Moraes teve resultado zero.

Levando em consideração todos os setores econômicos, em novembro, o comércio abriu 343 empregos e recuperou todas as vagas perdidas entre março e julho. Já o setor de serviços, que viu as contratações serem retomadas de maneira mais lenta, abriu 205 postos no mês e alcançou 34,7% no indicador de recuperação de vagas.

Análise Regional

O estado do Rio de Janeiro apresentou o quarto mês consecutivo de geração de novos postos de trabalho formais. O resultado do mês (+32.673) chama atenção pela intensidade: as vagas geradas em novembro ultrapassam o resultado acumulado em outubro (+16.089), setembro (+9.449) e agosto (5.230).

Todas as regiões do estado do Rio apresentaram saldo positivo de contratações, quando considerados todos os setores econômicos. A Capital foi a principal contratante, com 16.226 novas vagas abertas, seguida pela Baixada (+5.721), Leste Fluminense (+5.302) e Sul (+2.628).


Fonte: Fonte: Serra News

Mais

Serra News

O portal Serra News traz com credibilidade e dinamismo as principais notícias das cidades da região serrana e do interior do estado do Rio de Janeiro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo

Entrar

Ou com Nome de Usuário

Esqueceu a senha?

Não tem uma conta? Cadastre-se

Esqueceu a senha?

Digite os dados da sua conta e você receberá um link para resetar sua senha.

Seu link para resetar senha está expirado ou é inválido.

Entrar

Política de Privacidade

Adicionar à Coleção

Não Há Coleções

Aqui você vai encontrar todas as coleções que você criou antes.