NoticiasRegião

Cambuci confirma mais dois casos da variante P1 do coronavírus – SF Notícias

A Prefeitura Municipal de Cambuci confirmou que foram detectados mais dois casos da variante da linhagem P1 do coronavírus no município. O município foi notificado pela Superintendência de Informações Estratégicas de Vigilância em Saúde da Subsecretaria de Vigilância em Saúde do estado sobre a detecção dos novos casos após liberação de resultados de exames feitos pelo laboratório Lacen em amostras de materiais coletados em pacientes de Cambuci.

Tem Instagram ❓❓ Siga o SF Notícias no Insta > @sfnoticias

Essa é a terceira vez que moradores de Cambuci testam positivo para alguma variante do coronavírus. Duas variantes já foram detectadas no município. Em abril foi encontrada a presença da variante descoberta no Reino Unido em amostras de dois pacientes de Cambuci. Já em maio foi detectada a presença da variante B.1.1.7 em mais um paciente e a P1 em outro paciente. Agora foi detectada a presença da variante P1 em mais dois moradores. A variante que vem sido chamada de P1, ou variante brasileira, detectada inicialmente em Manaus, é considerada até o momento a variante mais transmissível.

Dos seis casos de variantes detectados no município, um dos moradores não resistiu e morreu. Ele havia sido diagnosticado com a presença da variante B.1.1.7. Os demais se recuperaram e já receberam alta. “Pedimos à população que redobrem os cuidados e sigam as orientações da OMS e respeitem o Decreto Municipal”, disse a Prefeitura de Cambuci em nota divulgada nesta quinta.




Leia a Notícia Completa no site fonte: SF Notícias

SF Notícias

Os principais acontecimentos das regiões Norte, Noroeste e Serrana do Estado do Rio. Uma Sociedade forte precisa estar bem informada. Notícias sobre eventos, projetos e/ou programas de ação social, saúde, educação, cultura, meio ambiente, segurança, trabalho, esporte e lazer entre outras. obs.: não possuímos nenhum tipo de vínculo com quaisquer esfera governamental.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo