Educação

Maceió começa a vacinar trabalhadores da educação básica e do ensino superior a partir de 50 anos

Os trabalhadores de escolas públicas e privadas precisam apresentar, além do comprovante de residência, o contracheque do último mês ou a declaração de vínculo com a instituição de ensino, além do documento com foto e CPF e comprovante de residência (original e cópia).

Compõem os trabalhadores de educação todos os professores e funcionários das escolas públicas e privadas que atuam em creches, pré-escolas, ensino fundamental, ensino médio, profissionalizantes e Educação de Jovens e Adultos (EJA). Também poderão se vacinar os trabalhadores das instituições de ensino superior de Maceió.

Veja as principais vacinas contra a Covid


Fonte: G1 – Educação

Portal G1

Portal de Notícias da Globo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo